As ceias alternativas deste Natal

São cada vez mais os que dispensam o bacalhau, o peru ou as rabanadas na noite da consoada. Neste artigo, descubra receitas de ceias natalícias mais alternativas, que pode confeccionar com ingredientes disponíveis no Continente e nas lojas Bioforma do nosso Centro!

Porque o Natal é diferente para todos no que à mesa diz respeito, há que agradar o palato (e a cultura) de gregos e troianos nesta quadra natalícia! Tem um vegetariano no seu seio familiar? E aquela prima que não descura a refeição saudável, mesmo quando o assunto são doces de Natal? E o tio judeu que este ano vem passar a quadra consigo? Pois bem, para que não exclua ninguém da sua mesa na consoada, deixamos-lhe algumas sugestões para que faça boa figura!

Vegetarianos 

Para quem não come carne há opções saudáveis e equilibradas, capazes de agradar a toda a família. Basta substituir alguns ingredientes para transformar um prato, doce ou salgado, numa refeição colorida e apetitosa.

Seitan com ameixa, cogumelos e leite de coco 

Ingredientes:
500 g de seitan cortado em pedaços incertos (com partes mais espessas e outras mais finas para poder absorver os sabores)
1 colher de sopa de mostarda em grão
3 dentes de alho pequenos picados
½ colher de sobremesa de gengibre fresco ralado
Sal, azeite e pimenta preta q.b.
1 mãozinha de aipo picado (caule e folhas)
¼ de chávena de vinho branco
¼ de chávena de vinho tinto
50 g de ameixa preta seca descaroçada e picada
8 cogumelos de paris fatiados
200 ml de leite de coco

Preparação:

Tempere o seitan de véspera com o alho, o gengibre, o sal, a pimenta, o aipo, o vinho branco e um pouco de azeite. Mexa um pouco com as mãos para espalhar bem a marinada e deixe assim de um dia para o outro.
Depois, coe a marinada para uma tigela, reserve e esprema o seitan com cuidado para não o desfazer.
Numa panela anti-aderente coloque um pouco de azeite (cerca de uma colher de sopa), aqueça e depois junte a mostarda em grão. Quando esta estalar, junte o seitan e deixe-o saltear por 10 minutos para tostar bem e adquirir todos os sabores. Pode acrescentar um pouco de sal se necessário.
Assim que estiver cozido, adicione o vinho tinto, as ameixas, o caldo da marinada e deixe cozer por 5 minutos.
Junte os cogumelos, envolva-os durante 1 ou 2 minutos e por fim, deite o leite de coco. Mexa um pouco e desligue o fogão. Deite o preparado numa travessa e leve ao forno a 200ºC até tostar ligeiramente em cima.

Bolo de tâmaras

Ingredientes:
2 colheres de sopa de tâmaras picadas sem caroços
175 g de frutas secas
175 g de farinha integral
2 colheres de chá de fermento em pó
4 colheres de sopa de suco de laranja
300 ml de água

Preparação:

Coloque as tâmaras numa panela com água e aqueça-as até ficarem macias. Amasse-as com um garfo, acrescente os outros ingredientes e misture bem. Coloque numa forma untada com manteiga e leve ao forno a 170ºC, por 30 minutos.

Judeus 

O Natal para os judeus acaba por passar despercebido, uma vez que não acreditam que Jesus é o Messias. Assim, celebram o Hanukaah, palavra hebraica que significa dedicação e inauguração, uma festa que dura oito dias onde os judeus jogam com um pião um jogo de azar, chamado dreidel. A grande ceia de Natal é substituída por algo mais simples como panquecas de batata e pequenos bolos recheados com geleia. 

Latkes de batata

Ingredientes:
1kg e 800 gramas de batatas com casca (cerca de 5 batatas grandes)
500g cebolas amarelas (cerca de 2 cebolas médias)
1/4 chávena de farinha de trigo
2 colheres de chá de sal
1/2 colher de chá de pimenta preta moída na hora
2 ovos grandes, ligeiramente batidos
1/4 chávena de óleo vegetal (canola ou girassol)
1/4 chávena de gordura de frango ou de galinha

Preparação: 

Preaqueça o forno a 120 graus. Rale as batatas e as cebolas e em seguida transfira-as para uma tigela grande.
Coloque as batatas e as cebolas num prato limpo e retire a maior quantidade possível de líquido, em seguida transfira a mistura de batata-cebola para outra tigela grande. Repita operação, pois quanto mais líquido remover, mais crocantes os seus latkes irão ficar.
Numa terceira tigela misture a farinha, o sal, e a pimenta. Adicione os ovos e bata até combinar. Adicione a mistura de batata-cebola e misture bem.
Numa frigideira grande em lume médio, derreta metade do schmaltz (gordura de galinha) e o óleo. Coloque 2 a 4 colheres de sopa de mistura latke na gordura bem quente, espaçando para não pegarem.
Achate os latkes ligeiramente usando uma espátula e cozinhe, virando uma só vez, até ficarem dourados e cozidos, de 3 a 4 minutos de cada lado.
Prepare um prato com papel absorvente para secar os latkes depois de fritos. Coloque-os na grelha do forno para se manterem quentes até à hora de os servir.

Sufganiot de chanuka (sonhos)

Ingredientes:
Creme:1 lata de leite condensado; 80g de amido de milho; 1 colher de sopa de extrato de baunilha; 3 gemas; 1 litro de leite; 1 caixa de creme de leite.

Massa: 2 colheres de sopa de manteiga; 250 ml de leite morno; 30g de fermento seco; 6 colheres de sopa de açúcar; 2 gemas; 1 ovo; 1 colher de chá de sal; 500g de farinha de trigo.

Preparação:

Creme: Junte todos os ingredientes numa panela e cozinhe até engrossar. Adicione o extrato de baunilha quando desligar o fogo e mexa bem. Retire da panela e transfira para um recipiente coberto com película aderente e depois coloque o preparado no frigorífico.

Massa: Aqueça o leite com a manteiga numa panela até que a mistura esteja morna. Depois leve essa mistura à batedeira e acrescente o fermento seco. Adicione o açúcar, as gemas e o ovo, o sal e a farinha de trigo.
Bata a massa por 6 minutos, em seguida pegue na bola de massa e deixe-a descansar numa tigela grande por aproximadamente 45 minutos.
Passe um pouco de manteiga à volta da massa para evitar que resseque. Assim que a massa crescer, corte-a em 24 pedaços e faça bolinhas. Deixe que os sonhos descansem numa superfície enfarinhada, cobertos com um pano por 45 minutos. Assim que os sonhos estiverem levedados, frite-os em óleo bem quente até dourar os dois lados e estejam plenamente cozidos.

Montagem:
Misture o creme, já gelado, para que fique mais cremoso e depois recheie os seus sonhos. Polvilhe-os com açúcar confeiteiro e sirva.

Seja qual for a sua cultura, tradição ou forma de estar na vida, o importante é que neste Natal se sente à mesa com aqueles que mais gosta. Feliz Natal!

Categorias
Natal
Partilhar